Primatas Gorila

Gorila


Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Primates
Família: Hominidae
Subfamília: Homininae
Género: Gorilla

Outros nomes:
Western gorilla (Inglês)
Gorille de l'Ouest (Francês)
Gorila occidental (Castelhano)

Distribuição geográfica
Os gorilas já são encontrados em poucos locais, muito isolados uns dos outros. Nas florestas tropicais da Bacia do Congo, ao longo do rio com o mesmo nome, anteriormente Rio Zaire, habitam zonas de planície e montanha. Noutras zonas, nomeadamente Uganda, Ruanda, Gabão e Camarões, vivem em altitude, acima dos 3000 metros. Os gorilas comuns da planície, Gorilla gorilla , também chamados gorilas ocidentais, habitam as zonas ribeirinhas de floresta densa, enquanto os gorilas orientais, Gorilla beringei, preferem viver nas encostas das montanhas. As diferenças entre as duas espécies é muito pequena, basicamente é apenas a pelagem que faz a diferença.

Os gorilas vivem em grupos, que podem ser pequenos, com 5/6 animais, ou grandes, com mais de 30 indivíduos.
Em cada grupo existe sempre um macho dominante, que vive com o harém de fêmeas e com os juvenis. Se o grupo for grande, existem subgrupos com lideres próprios que respeitam sempre o macho dominante, mas que têm o seu próprio harém. Estes grupos maiores permitem um sentimento de maior confiança entre os membros, já que existem sempre, de forma rotativa, alguns animais alerta, enquanto os outros se alimentam ou tratam da vida social.

Alimentação:
A base da sua alimentação são frutos e bagas, que seleccionam com todo o cuidado. Também comem muitos tipos de folhas, raízes e capim e, ocasionalmente, comem insectos.

Estado de conservação:
Em perigo crítico (IUCN 2008). Os gorilas têm sido dizimados para alimentação humana e para fazer amuletos que os feiticeiros locais usam na medicina tradicional. Também as guerras acabaram com muitos grupos destes animais, e hoje os gorilas da montanha já são poucos, parecendo os das planícies manter-se em números mais elevados e estáveis. Para complicar as contas e baralhar os investigadores, os gorilas parecem ser muito atreitos a vírus mortais como o Ébola, que também tem provocado muitas baixas.

Gestação e maturidade sexual:
A maturidade sexual das fêmeas acontece por volta dos 10 anos, e a dos machos por volta dos 15 anos.
O tempo de gestação de uma fêmea gorila é igual aos das mulheres, 9 meses, passados os quais nasce por norma apenas uma cria. Muito raramente nascem gémeos, mas quando assim é, um deles acaba por morrer ao fim de poucas horas ou dias.

Tamanho:
Um gorila macho adulto pode atingir 1,75 metros de altura e pesar mais de 250 kg.

Longevidade:
Em liberdade, um gorila pode viver cerca de 40 anos, sendo que em cativeiro pode viver um pouco mais e atingir os 50 anos.


Notícias
Estados Unidos
É uma longa história de vida, com bons e maus momentos, mas que enche de orgulho os tratadores do Jardim Zoológico Columbus, no Ohio, Estados Unidos. Colo nasceu em 22 de Dezembro de 1956, já em cativeiro.
Portugal
Nasceu a primeira cria de Gorila do Jardim Zoológico! Com 2kg, é filha do macho Nasibu, de 16 anos, e da fêmea Anguka, de 17 anos. Este é um nascimento muito especial para o parque, pois é uma espécie considerada em perigo de extinção.
França
Tudo decorria com normalidade no Vale dos Símios, em La Romagne, França, até ao momento em que um gorila fêmea de nome Kwanza, com oito anos, caiu duma árvore e fracturou gravemente a cabeça do fêmur. Trata-se de um ferimento muito raro, para cujo tratamento os veterinários estão menos treinados que os ortopedistas.


Publicidade



Galeria fotográfica

Publicidade


Classificados
Sintra, Portugal
Dão-se gatinhos
Matosinhos, Portugal
Desapareceu

Animais * Clix
Contacto
Login
Privacy policy